Kraken

O que é Golem? (GNT)

O guia para iniciantes


Golem é um software que incentiva os usuários a operar um mercado onde os recursos computacionais podem ser comprados e vendidos em troca de criptomoeda.

Um dos primeiros projetos criados com base no Ethereum, o Golem foi idealizado como um tipo de supercomputador que pode conectar compradores e vendedores para todo o tipo de cálculo, incluindo renderização CGI, inteligência artificial e mineração de criptomoeda, entre outras tarefas. 


O software do Golem foi criado para facilitar essa troca, vinculando os usuários que não têm recursos para realizar projetos com aqueles que têm recursos disponíveis. Em troca do seu trabalho, aqueles que fornecem recursos à rede Golem recebem o GNT, a criptomoeda nativa do Golem.

Dessa forma, os criadores do Golem imaginaram a rede como uma alternativa controlada pelo usuário aos serviços tradicionais de computação em nuvem, que hoje conectam os usuários que buscam trabalho computacional. 

Para atualizações mais regulares da equipe do Golem, você pode favoritar o blog do Golem, que inclui dicas e tutoriais sobre a rede e a sua tecnologia em evolução.

Para uma visão mais detalhada do roteiro do projeto Golem, você pode favoritar esta seção do site do projeto.

what is golem gnt


Quem criou o Golem?

A Golem Factory, empresa por trás da plataforma Golem, foi cofundada por Aleksandra Skrzypczak, Andrzej Regulski, Julian Zawistowski e Piotr Janiuk, em 2016. 

Naquele ano, a equipe do Golem vendeu 82% da oferta de GNT ao público, arrecadando 820.000 ETH (cerca de US$ 8,6 milhões na época). 

 

Como o Golem funciona?


O software Golem calcula solicitações e conecta as várias partes que acessam sua rede.

As transações começam quando alguém no mercado de recursos computacionais (conhecido no jargão do Golem como "solicitante") pede recursos usando o que é chamado de "modelo de tarefa".

Entenda a renderização CGI, um processo às vezes lento e intensivo de computador, como um aplicativo da rede Golem. Em vez de pagar por serviços baseados em nuvem ou esperar que sua própria máquina conclua uma tarefa, os artistas de CGI podem recorrer ao Golem para concluir o processo para eles. 

Nesse caso, o Golem alugará recursos de computação de vários provedores para renderizar imagens antes de devolvê-las ao solicitante. 

Arquitetura

Um modelo de tarefa contém a lógica computacional completa que a rede Golem precisará para executar a solicitação. Isso inclui instruções para:

  1. O código-fonte que deve ser executado
  2. Como a tarefa pode ser dividida em subtarefas e enviada para nós diferentes
  3. Como os resultados podem ser verificados em um resultado final. 

Os solicitantes podem usar um modelo de tarefa já criado para a rede ou gerar seu próprio modelo. Assim que um solicitante enviar uma solicitação, a rede Golem procurará cumpri-la de forma programática.

Uma vez concluídas as subtarefas, elas passam por um estágio de verificação para garantir que foram concluídas corretamente. O cliente do Golem então reúne as subtarefas em uma única peça, antes de enviá-las de volta ao solicitante.

Uma vez recebidas, os solicitantes enviarão o montante correto de GNT ao contrato, que paga automaticamente os fornecedores.

Sistema de reputação

Quando uma tarefa é concluída, o Golem usa um sistema de reputação para classificar os compradores e vendedores que usam seu marketplace.

O sistema serve para: 

  1. Detectar nós mal-intencionados 
  2. Fornecer uma métrica de avaliação para tarefas de roteamento de forma correta

Para os solicitantes, o sistema de reputação monitora a pontualidade dos pagamentos e se a tarefa contém erros quando computada pelos provedores.

Os provedores são classificados com base em sua capacidade de calcular uma tarefa adequadamente e se a tarefa passa por uma verificação ao retornar. 

Registro de aplicativo e estrutura de transação

O Golem planeja adicionar mais ofertas à sua rede para dar suporte a envios de aplicativos de desenvolvedores e aumentar a quantidade de tarefas que os solicitantes podem escolher.

Um registro de aplicativo, que age de forma semelhante à loja de aplicativos no seu celular, é um smart contract baseado em Ethereum que permite que os desenvolvedores enviem aplicativos para tarefas específicas e ajuda os solicitantes a encontrar as ferramentas apropriadas, como modelos de tarefas, para atender às suas necessidades.

A estrutura de transação, da mesma forma, está sendo criada para ajudar os desenvolvedores a escolher que tipo de transação se encaixará nas necessidades dos seus aplicativos. Alguns componentes que podem ser incluídos são esquemas de pagamento, canais de pagamento off-chain e uso por unidade de software.

O Golem no Ethereum

O protocolo do Golem desempenha o papel de dividir e de determinar como esse trabalho será realizado. Esse processo funciona de forma semelhante ao sistema de armazenamento baseado em nuvem Sia, mas, em vez de construir sua própria blockchain, a equipe do Golem pensou que seria melhor construir sobre o Ethereum. 

A equipe do Golem escolheu executar seu software no Ethereum para que os pagamentos entre as partes interessadas fossem liquidados em sua blockchain. Além disso, o Golem usa o modelo de mecanismo de consenso do Ethereum para implantação, execução de tarefas e validação dessas transações.  

A ideia por trás disso é que a equipe espera que a rede Ethereum se torne mais escalável e, portanto, mais eficiente, incluindo a capacidade de processar micropagamentos.

Aqueles que desejam acessar os recursos do Golem podem fazer download de qualquer uma de suas duas ofertas, Golem Unlimited e Clay Golem. 

O Clay Golem é um software executado por uma única máquina, enquanto o Golem Unlimited é usado para uma configuração multinós. O Golem Unlimited é, portanto, um software que pode ser executado por empresas ou por uma residência com muitos computadores que tenham recursos não utilizados.
 


Por que o GNT tem valor?

A criptomoeda GNT deriva seu valor de sua utilidade para a rede Golem, pois é a forma preferencial de pagamento dentro do software. 

Isso significa que os solicitantes precisam comprar e gastar GNT para alugar recursos computacionais. Os provedores, por sua vez, devem aceitar o GNT para os cálculos que fazem. 

O Golem aproveita a blockchain Ethereum para processar transações de GNT entre solicitantes e provedores, devido à sua capacidade de fornecer uma plataforma de pagamento trustless (sem a necessidade de confiança). 

Além disso, como muitas outras criptomoedas, a oferta de tokens GNT é limitada. De acordo com as regras do software, haverá apenas 1 bilhão de GNTs.


Por que usar o GNT?

Os defensores do Golem podem ser atraídos por seu potencial para servir como um novo tipo de plataforma de computação peer-to-peer. 

O Golem pode ser atraente para qualquer desenvolvedor, minerador de criptomoeda, profissional CGI ou qualquer pessoa que precise de muita capacidade de computação para realizar um projeto.

Os investidores podem querer adicionar o GNT ao seu portfólio, caso acreditem no potencial de um marketplace descentralizado para qualquer um que queira comprar e vender capacidade de computação.

Comece a comprar criptomoeda


Ainda não oferecemos GNT na Kraken, mas confira nossa seleção completa aqui e cadastre-se para abrir uma conta!